O que é o Google Search Appliance

A busca é um processo difícil e poucas pessoas acham fácil procurar informações em ambientes corporativos. Onde está o manual do usuário de tal programa? Em qual e-mail será que está o relatório de operações do mês de junho? Onde será que tem a planilha do mês que vêm? Pensando nisso que foi criado o Google Search Appliance.

O interessante é que o GSA tem o mesmo algoritmo de busca do Google, pode ser implementado em sites, mas também lê outros tipos de arquivo como .pdf, .doc, .ppt, etc etc… Na verdade o Crawler lê mais de 220 tipos de arquivos diferentes em Windows, UNIX e Linux. E dá a mesma relevância para qualquer um desses arquivos, a menos que o usuário altere um dos 200 critérios de relevância.

O serviço / hardware é cobrado por de documentos indexados, o Google disponibiliza 4 versões:

Google Mini – Até 300.000 documentos
GB-1001 – Até 3 milhões de documentos
GB-5005 – Até 10 milhões de documentos
GB-8008 – Até 30 milhões de documentos

Atualmente, o Google Search Appliance já tem mais de 20 mil clientes ativos.

O Google Search Appliance, junto com o Google Custom Search Engine foram me apresentados no Google Search Masters 2008 e foram, de longe, os aplicativos mais interessantes do evento.

Google Zeitgeist 2008 – Os termos mais buscados do ano no Google

O Google disponibilizou hoje o relatório de fim de ano dos termos mais buscados em seu site. Os relatórios estão divididos entre 32 países.

Veja os termos mais buscados no Brasil:

Maiores Subidas (Fastest Rising)

1. orkut
2. jogos
3. download
4. fotos
5. youtube
6. videos
7. musicas
8. musica
9. msn
10. globo

Mais Pesquisados (Most Popular)

1. jogos de meninas
2. naruto
3. you tube
4. claro
5. youtube
6. jogos
7. jogo
8. esporte
9. tradutor
10. o dia

Relacionada com o Google

1. google maps
2. tradutor
3. google earth
4. orkut
5. google videos
6. google talk
7. youtube
8. chrome
9. gmail
10. google toolbar

Futebol

1. são paulo futebol
2. santos
3. futebol ao vivo
4. futebol feminino
5. palmeiras
6. flamengo
7. futebol americano
8. federação paulista
9. corinthians
10. campeonato brasileiro

Eleições 2008

1. resultado
2. vereadores
3. candidatos
4. apuração
5. eleição municipal
6. eleição para prefeito
7. obama
8. lei seca
9. tribunal superior eleitoral
10. lula

Celebridades

1. juliana paes
2. juliana knust
3. malu mader
4. dudu azevedo
5. britney spears
6. amy winehouse
7. deborah seco
8. vanessa hudgens
9. sabrina sato
10. michael buble

Relatórios com outros temas, de outros países e de outros anos estão disponíveis no Google Zeitgeist.

Criando um mecanismo de busca no seu site com o Google Custom Search Engine

Recentemente a Yahoo! lanço o BOSS (Build your Own Search Service), para concorrer diretamente com o Google Custom Search Engine. Ambos são mecanismos de buscas que procuram dentro de páginas ou domínios configurado por você. Aqui eu vou falar do Google Custom Search Engine que parece ser mais simples.

Google Custom Search Engine

Me apresentaram o Google Custom Search Engine lá no Google Search Masters 2008 e deram bons motivos para nos pensar em utilizá-lo, como:

  • Fazer uma busca em todo o seu site, pode ser complexo, gastar horas e horas de programação, no mecanismo deles eu fiz em 5 minutos.
  • O algoritmo de buscas é o mesmo que o google usa, então, ele consegue definir níveis de príoridade (ranking), por exemplo se nós procurarmos javascript, o algorítimo procura qual a relevância da keyword javascript dentro de cada página. E depois ele apresenta qual tem o resultado mais relevante. O que seria é mais complicado ainda.
  • Os usuários estão acostumados a interface do google.
  • É possível mesclar o conteúdo com links patrocinados e, quem sabe, ganhar dinheiro com isso.

Faça o teste aqui com o nosso mecanismo de busca que eu acabei de criar.

Procure por modal, javascipt, jQuery, ou o que quiser.

É lógico que tem desvantagens, acaba com o layout do seu site, e pra quem usa CMS como wordpress, joomla, drupal, etc.. etc… não dá trabalho nenhum criar uma busca. Mas pra quem não usa, ou se seu cliente quer um projeto “bom, rápido e barato”, vale a pena experimentar, até a w3c schools usa.